Turma da Mônica: Laços

Dirigido por Daniel Rezende, o longa Turma da Mônica – Laços chega às telonas AMANHÃ com uma grande expectativa do público! Não é pra menos, já que as histórias da turminha são apreciadas por todas as gerações. Muitos podem até ter um certo receio pra ver se o live-action é digno do universo criado por Mauricio de Sousa, mas nós podemos garantir que o filme surpreende e é sim tudo que esperávamos!

Mônica, Cebolinha, Magali e Cascão são exatamente como imaginamos e vimos em cada historinha. A essência desse universo está muito bem representada e é impossível assistir sem ser tomado pela nostalgia de que são atores de carne e osso representando aqueles personagens que acompanhamos durante décadas!

Adaptado da graphic novel Laços, de Vitor e Lu Cafaggi, o longa é muito fiel tanto à HQ, com cenas totalmente iguais, quanto ao próprio universo. E olha que tudo que foi incluído no roteiro, escrito por Thiago Dottori, foi muito bem pensado para que nada fugisse da essência da Turma! Seja na caracterização, cenários ou diálogos, por exemplo.



E é claro que além do quarteto principal há muitos outros personagens que conhecemos, como Xaveco, Cascuda, Titi, Aninha, Jeremias, Quinzinho e o Louco, interpretado pelo talentoso Rodrigo Santoro. A participação dele é tão incrível que rouba a cena e deixa um gostinho de quero mais! Além disso, na trama há muitos easter eggs e até um cameo maravilhoso com o Mauricio, que pode até se assemelhar aos de Stan Lee, sem querer tirar a grandiosidade do astro brasileiro.

Quanto à história, os personagens precisam se unir para tentar encontrar Floquinho, o cachorrinho do Cebolinha. É muito interessante ver como a história é bem escrita, pois cada personagem tem o seu momento de brilhar, mostrando sua personalidade e superando os seus próprios medos e obstáculos, como forma de provar a amizade que existe entre eles – o que é de fato uma experiência muito precisa e que promete agradar muito o público!

COMPARTILHAR


1 Review

Leave a Reply